Honda SH 300 I 1


 

Honda SH 300I

O Scooter é o mais prático sistema de transporte individual para centros urbanos, econômico, ágil e barato dependendo da cilindrada.

O novo Scooter da Honda, o mais potente oferecido pela montadora no Brasil, tem um motor de um cilindro e 279,1 c.c. e rodas aro 16″.

Ele é bonito principalmente sem o para-brisa, muito grande e fica muito próximo do piloto, dá uma certa claustrofobia. A posição de dirigir é boa e mesmo tendo 1,90 m de altura, fiquei bem posicionado. O acabamento Honda se faz presente, as partes plásticas são bem fixadas e não fazem barulho.

Em termos de acabamento, o único senão é não ter luz no compartimento embaixo do banco e nem forro, qualquer objeto que se coloque vai fazer barulho e pode riscar. O painel tem as informações necessárias, trip A e trip B, odometro total, relógio, consumo médio e consumo instantâneo. O compartimento embaixo do banco é pequeno, cabe um capacete e uma roupa de chuva, é nele que está fixado uma tomada de força, muito útil.

 

Na Cidade

O Scooter usa o sistema smart key. Para funcionar, o pequeno aparelho tem que estar próximo do veículo. É só girar o botão situado embaixo do painel na posição start, pressionar o manete esquerdo de freio e apertar o botão de partida.

Ela sai forte e com aceleração constante. Freia muito bem e conta com ABS, o manete esquerdo freia a roda traseira e o direito freia a rodada dianteira. Como a parte traseira de um Scooter é mais pesada já que a unidade de força e o tanque de combustível estão localizados atrás, é importante usar ambos os freios para se obter uma boa frenagem. Rodando na péssima pavimentação em que se encontram as ruas de São Paulo, as rodas de 16″ não fazem milagre e o     SH 300I pula muito, longe de ser confortável. Em marcha lenta o motor de um cilindro vibra um pouco, mas andando é muito suave e silencioso.

O consumo na cidade fica em torno de 30 Km/L

 

Na Estrada

O SH 300I vai muito bem na estrada, manter a velocidade de 120 Km/h é fácil, é firme nas curvas, o quadro não sofre torção, passando confiança ao piloto.

Pena que não deu para testar com o para-brisa para fazer uma comparação adequada.


Gostei(3) Não Gostei(0)

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

One thought on “Honda SH 300 I

  • Jean

    Como usuário diário de scooter fiz um test drive com o SH300 com parabrisa alto, enorme por sinal é achei horrível. Anda bem, acelera bem, mas pelo preço tem um acabamento fraco – noto que o banco não tem trava para mantê-lo aberto, coisa que a Irmã menor PCX já resolveu, e a suspensão que é muito dura e sacrifica o piloto no nosso péssimo pavimento.